Terceira Idade


Chega uma certa altura da vida que o que se procura é um local onde se possa passear e aprender. Com um passado extremamente rico, Santos proporciona exatamente isto em suas possibilidades de passeio. Muitos são os lugares imperdíveis, fica até difícil selecionar os melhores.
Mas, certamente, a Pinacoteca Benedicto Calixto está no meio dessa seleção. Abrigada em um palacete construído em 1900, que pertencia a um barão de café, ela é considerada o último remanescente dos antigos e luxuosos palacetes da orla da praia. O prédio foi restaurado em 1992 e abriga as obras do famoso pintor santista Benedicto Calixto, além de uma biblioteca especializada em arte. Ali também são promovidas exposições de arte e cursos de técnicas artísticas.

Outra boa dica é o Museu dos Cafés do Brasil e Bolsa do Café. Considerado o mais imponente edifício da cidade, a Bolsa Oficial de Café de Santos, é uma construção em estilo eclético, cujo projeto é do final do século XIX e cujas obras foram concluídas somente em 1922. Como foi construído no mais rico período de nossa história, tem acabamento luxuoso com materiais importados. Possui em seu ambiente uma cafeteria que permite experimentar todos os tipos e aromas de cafés. No museu se conhece a história da produção e comercialização do café no Brasil e sua influência na cidade do início das exportações do grão, desde a segunda metade do século XIX até os dias atuais, através de fotos, documentos e equipamentos.

Veja o endereço das nossas dicas e também de outros passeios:

Pinacoteca Benedicto Calixto
Endereço: Av. Bartolomeu de Gusmão, 15 - Centro.
Informações: (13) 3288-2260.

Museu do Café
Endereço: Rua XV de Novembro esq. Rua Frei Gaspar - Centro.
Horário: segunda a sábado, de 9h às 17h45, e domingos, de 10:00h às 17h45
Quem estiver no Centro Histórico pode utilizar o bonde para se locomover, o que já um outro grande passeio.

Casa de Frontaria Azulejada
Construída em 1865, pelo Comendador Ferreira Neto para ser a sede de seu estabalecimento comercial e também residência, na década de 50 foi destruído por um incêndio e restaurado em 1993. Sua fachada possui milhares de azulejos portugueses em relevo e faz do local uma ótima opção de passeio.
Endereço: Rua do Comércio, 98 - Centro.
Para chegar, é possível utilizar o bonde.

Centro de Cultura Patrícia Galvão
Conjunto formado pelo Teatro Municipal Brás Cubas (544 lugares), o Teatro de Arena Rosinha Mastrangelo (250 lugares), a Galeria de Arte Patrícia Galvão, a Galeria de Arte Brás Cubas, o Museu da Imagem e do Som de Santos (MISS com uma audioteca de 5 mil discos e grande variedade de fitas VHS, além de farto material de pesquisas relativas a cinema, música e rádio). Também abriga a Hemeroteca Roldão Mendes Rosa, com grande número de jornais antigos, revistas e outros documentos, à disposição para consultas e pesquisas (podem ser tiradas fotocópias no local). No local também são ministrados cursos gratuitos de artes.
Endereço: Av. Pinheiro Machado, 48 - Centro.
Informações: (13) 3233-6086.

Ruínas do Theatro Guarany
Um dos maiores patrimônios históricos de Santos. Marco da história da cidade, foi construído durante o reinado do imperador D. Pedro II e foi o primeiro teatro de luxo da cidade. Seu interior era totalmente coberto por afrescos e pinturas de Benedito Calixto. Em 1870, foi sede de inúmeros espetáculos beneficentes pró-abolicionistas. Em 1981, um incêndio de grandes proporções destruiu totalmente o seu interior, deixando de pé apenas as fachadas, já descaracterizadas. Em 2003, foi adquirido pela Municipalidade que tem planos para a sua restauração.
Endereço: Praça dos Andradas, 100 - Centro.

Estação de Trem do Valongo
Considerada uma cópia reduzida da Victoria Station de Londres, representa o mais típico exemplo da arquitetura vitoriana do século XIX em Santos. Construída em 1860, a estação servia para atender o intenso comércio que o porto atraía e que contribuiu para o intenso desenvolvimento da região. Entrou em processo de restauração em 2003 e foi reaberta em 2004.Na estação também estão a Setur - Secretaria Municipal de Esportes e Turismo no piso superior, um restaurante e o Museu do Transporte.
Endereço: Largo Marquês de Monte Alegre, s/n° - Centro.

Casarões do Valongo
Casarões em estilo neoclássico, os Casarões Valongo foram construídos pelo Comendador Ferreira Neto e utilizados como residência até 1895. Em 1939 passaram a abrigar a Câmara e a Prefeitura. Depois serviram como hotéis, bares, restaurantes até 1985, quando um grande incêndio destruiu um dos blocos, cujas paredes desabaram em 1986. O bloco remanescente sofreu novo incêndio em 1992. As ruínas dos Casarões, em conjunto com a Igreja de Sto. Antonio e a Estação do Valongo, fazem do Largo Marquês de Monte Alegre um dos mais importantes logradouros de Santos.
Endereço: Largo Marquês de Monte Alegre, s/n° - Centro.

Estância Diana
A estância fica situada a 27 km do centro da cidade, no vale do Rio Diana, na área continental do Município de Santos. Abriga uma vila de pescadores e possui diversificada fauna e flora. Através de inúmeras trilhas, pode-se observar a vida de três ecossistemas: encosta, restinga e manguezal. O acesso é permitido apenas sob monitoramento de firmas credenciadas pela Prefeitura para garantir a preservação ambiental.

Catedral
Igreja neogótica, que segue o padrão dos maiores templos do mundo. Sua construção se iniciou em 1909 e só em 1951 foi inteiramente concluída. O projeto é de Maximiliano Hell, que projetou também a Catedral da Sé, em São Paulo.
Aberta de 2ª a 6ª (7h às 18h), sábado (8h às 12h e 15h às 18h) e domingo (8h às 12h e 17h às 19h). Missas na 2ª, 4ª e 5ª (18h30), sexta e sábado (18h) e domingo (9h e 18h).
Também possui visitas monitoradas na quinta e sexta (14h às 17h), e sábado e domingo (9h às 11h).
Endereço: Praça José Bonifácio, s/n°, Centro.
Informações: (13) 3232-4593.

Igreja e Santuário de Santo Antônio do Valongo
Conjunto arquitetônico formado pela igreja e pelo convento, construído em 1689. O Santuário abriga uma Nossa Senhora da Conceição do século XVII (na sacristia) e outra imagem da mesma santa, de 1698 (no pátio), entre outras relíquias. Aberta diariamente, das 8h às 18h.
As Missas são na terça (12h15, 15h e 19h), domingo (8h e 19h) e todo dia 25 de cada mês (15h e 19h). Também são feitas visitas monitoradas de quinta a domingo, das 14h às 17h.
Endereço: Largo Marquês de Monte Alegre, 13 - Centro.
Informações: (13) 3219-1481.